Poder de criação de cada um é ilimitado

Muitas pessoas ficam achando que o poder de criação do uso do segredo é limitado. Ele é sem limites. A partir do momento que você consegue executar o passo a passo do processo de criação, tudo vai entrando nos trilhos ( flow???) e a vida parece começar a fazer sentido.

O problema é que eu, e acho que a maioria da população mundial, estamos anestesiados com os desafios do dia a dia que esquecemos de viver.  Primeiro vamos a escolas que não gostamos de frequentar.

Depois trabalhamos em lugares em que detestamos estar. Ai vamos para os lugares num transporte inseguro publico ou lento como o particular. Quando vemos, já e temos boletos pra pagar e começamos a nos distanciar.

Primeiro de nossos familiares e amigos para poder servir ao patrão. Depois nos separamos de nós mesmos procurando desculpas para não viver nossas vontades.

Vemos no movimento Mimizento a explosão de causas e reclamações sem sentido que nos fazem perder tempo com brigas por opiniões alheias, tendo culpa aquele que de nós pensa diferente.

Precisamos amadurecer.

Cada um vai cuidar de sua própria vida quando sua existência for recompensante e der o máximo de prazer ao indivíduo. Até lá, enquanto acharem motivos para reclamar, a vida continuará a se arrastar.

O segredo só se manifesta se as condições descritas por Helio Couto ocorrerem. Afinal, tudo passa por uma receita de bolo. Sendo bem feita, sempre dá certo. Pra mim tem dado. E pra você? Deixe seu recado. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *